Me apaixonei tanto que quando voltei fiquei com aquela 'saudade' que só a língua portuguesa sabe exprimir.

"Já estou melhor, obrigada. Sim, já estou. Fui melhorando nos últimos dias. Recentemente, fui para Lisboa e me apaixonei. Me apaixonei pelos azulejos e pela forma como os portugueses formam suas frases. Claro que sou apaixonada pelo Pessoa há anos, mas quando você vive aquela melancolia todos os dias, é diferente. Me apaixonei tanto que quando voltei fiquei com aquela 'saudade' que só a língua portuguesa sabe exprimir. Mas agora: 'já estou melhor, obrigada'."

 

 

 

 

 

 

Verena sente saudades de Portugal, mas seu lugar preferido continua sendo sua casa, em Santa Cecília.

É de lá que a fotógrafa faz suas micropoesias.

 

Fotos: Vtao Takayama e Verena Smit